Logo



Polaroids


















Menu

as 15 melhores frases do livro Mosquitolândia

Ah, Mary Iris Malone... Se tem uma protagonista de livro pela qual eu verdadeiramente me identifiquei logo de cara, foi ela. Criação de David Arnold, autor de Mosquitolândia, Mim é a versão feminina da música Nowhere Man, dos Beatles. Ela pertence a lugar nenhum, mas, ao mesmo tempo, pertence ao todo. 

O livro, lançado este ano pela Editora INTRINSECA, conta a história dessa protagonista cativante às avessas, que descobre por meio de cartas que a sua mãe está muito doente. A notícia é o estopim para ela largar tudo, fugir de casa e se aventurar de Ohio para o Mississippi, em uma viagem cheia de surpresas não tão boas e algumas pessoas inesquecíveis. O mais legal é que todo capítulo é, na verdade, uma carta que, teoricamente, Mim escreve para a Tia Isa (sim, Isa! Mas é Isa de Isabel #fuén). No final, descobrimos que o destinatário, na real, não era bem esse...
Mistérios, dramas reais, dúvidas, questionamentos amorosos, ideologias. Gostei tanto desse livro e da maneira como David desenhou e contou a história que decidi dividir com vocês as minhas 15 frases favoritas de Mosquitolândia.

1. “Porque sou Mary Iris Malone, e eu não estou nada bem.”

2. “Sempre achei cochilos mais cansativos do que revigorantes.”

3. “Sou Mary Iris Malone e estou vazia, sem droga nenhuma dentro de mim. Tudo o que restou é uma vontade louca de fugir.”

4. “Porque a vida raramente é como você imagina.”

5. “Mas agora sei a verdade. Você pode rir e chorar, Isa. Porque os dois são basicamente a mesma coisa.”

6. “No filme da minha vida, tenho cenas e falas, em vez de experiências e discussões. Em vez de amigos, um elenco; em vez de lugares, cenários.”

7. “Ninguém estava acordado. Ninguém ficou bravo. Ninguém se importou. Meu Deus, Isa... Espero que você não saiba como é essa sensação.”

8. “Tenho pouca experiência, mas de uma coisa eu sei: momentos de conexão com outro ser humano são obviamente raros. No entanto, mais raros ainda são aqueles que conseguem reconhecer essa conexão quando a veem.”

9. “Choro porque nunca sorri assim, nenhuma vez na vida. Choro porque amo. Por algum motivo, sempre amei.”

10. “Tal é o destino de homens bons que sucumbiram à loucura do mundo.”

11. “Sempre achei que, se o amor estivesse no caminho, eu o encontraria ou capturaria – nunca achei que tropeçaria nele.”

12. “Durante toda a vida estive em busca do meu grupo e, durante toda a vida, só encontrei um vazio. Em algum momento, não sei quando, aceitei o isolamento. Eu me encolhi em posição fetal e aceitei uma vida de observações e teorias, o que não é viver de verdade.”

13. “A melhor parte de ser burra, imagino, é simplesmente não se importar.”

14. “A maioria das pessoas é um bando de peões egocêntricos, neuróticos e autocentrados que insiste em usar óculos para miopia em um mundo hipermetrope.”


15. “Porque, às vezes, uma coisa só tem validade depois que é dita em voz alta.”

Então vou dizer BEM ALTO: Mosquitolândia é uma dica de leitura que eu dou do fundo do meu coração. Mesmo. Corre para a livraria!!! <3

Alguém aí já leu o livro de David Arnold? Se sim, também se apaixonou por Mim Malone? 

3 comentários:

  1. Nossa, parece incrível! Super me indentifiquei com as frases...

    ResponderExcluir
  2. Eu simplesmente AMEI esse livro! Se tornou um dos meus favoritos, e fiz tantas marcações que que não consigo escolher só 15 favoritas hahaha

    Beijos!
    www.poesiadestilada.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Isa!
    Ja li algumas coisas bem bacanas sobre esse livro e gostei de varias das frases que vc selecionou. Não é uma prioridade de leitura, mas se tiver oportunidade, darei uma chance.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir